Facebook Instagram
Seu carrinho está vazio

Moda, expressão e arte

22/02/2021 LifeStyle

Quem aqui já ouviu a expressão “você é o que você come”?
Bom esse contexto faz tanto sentido quanto quando usado ao se falar de moda, porque com essa matéria vamos ver que além do contexto histórico, nos dias atuais podemos perceber cada vez mais que sim, VOCÊ TAMBÉM É O QUE VOCÊ VESTE. 

Ao pensar nos séculos passados não fica difícil perceber que as roupas eram mais que uma ferramenta para cobrir nossa nudez, a forma de se vestir distinguia classes sociais, exaltava poder político e principalmente fazia distinção entre feminino e masculino. Claro que atualmente ainda podemos perceber muitas dessas distinções, mas agora passou a ser mais do que qual  classe social você pertence (etiqueta e grifes), passou a ser sobre quem você é.  Assim, os estereótipos de que moda pode ser apenas superficial, luxo ou mera necessidade, estão se tornando cada dia”fora de moda”, já que nos últimos anos estamos vendo a moda ser usada como uma poderosa ferramenta para dizer ao mundo quem somos, pelo o que estamos passando, quais são os nossos ideais, causas, crenças e até nosso humor.

intro

Quer alguns exemplos práticos disso? Bom, eles podem começar pelas camisetas que usamos, onde frases, citações e letras de músicas estão estampadas, de forma bem sutil mostramos a quem nos rodeia nosso humor, qual show de televisão somos fãs ou qual é o artista que toca em nossa playlist.

camisetas

Outro exemplo genial das frases explícitas em nossas roupas aconteceu em um desfile da grife Viktor and Rolf, onde os estilistas imprimiram em vestidos famigeradas frases que muitos de nós somos “educados demais para dizer em voz alta”. O humor 100% irônico expressando tudo o que temos vontade de dizer pelo menos 20 vezes por dia estava ali, em plena passarela da semana de moda em Paris. 

v r

Até mesmo na política temos exemplos muito atuais, como as análises minuciosas e cheias de significados dos looks escolhidos pela atual vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris. Um dos looks cheios de significado foi o terno branco escolhido para o primeiro discurso após a posse do cargo. A cor escolhida é símbolo do movimento Sufragista desde que foi usada, lá em 1908, por 300 mil manifestantes que decidiram usá-la para lutar pelo direito da mulher ao voto durante protesto em Londres. Além claro, de ser símbolo mundial de paz, serenidade e união.

kamala

Em várias premiações nos últimos anos famosas também aproveitaram a visibilidade e alcance do tapete vermelho para mostrarem o seu apoio a causas.

Famosas vestem produções all black e rosas brancas para mostrar total apoio e suporte ao movimento contra o assédio sexual no trabalho, o Times Up.

times up

1. Jane Fonda mostrou que nem mesmo no red carpet roupa é descartável, repetiu o vestido e mostrou que chique é pensar no planeta. Jane usou  o mesmo vestido do Festival de Cannes em 2014, além de subir ao palco com o icônico casaco vermelho, usado em diversos protestos que a atriz marca presença sobre as mudanças climáticas. 

2.Natalie Portman usou na edição do Oscar 2020 um look bordado com todos os nomes das diretoras de cinema que não foram indicadas ao prêmio, uma vez que apenas homens receberam indicações naquela edição.  

3. Sandro Oh, uma das atrizes mais queridas de Hollywood, usou como look no Grammy 2020 uma jaqueta onde a frase “Vidas Pretas são Preciosas” estava escrita em coreano.  

premiac o es

Até mesmo Beyoncé usa toda a sua visibilidade e influência para se expressar através da moda, indo além das letras das músicas para mostrar quais suas crenças e causas a serem lutadas. Um exemplo claro disso foi a edição do famoso “half time show” do Superbowl (2016) onde ela e suas dançarinas usaram figurinos inspirados no movimento Pantera Negra para Auto-defesa (em inglês, Black Panther Party for Self-Defense). Movimento esse que teve início nos anos 60 e lutou para cessar violência causada por autoridades e policiais contra o povo preto nos Estados Unidos.

beyonce

Viu só? Roupa pode ir muito além de necessidade! Claro que aqui mostramos exemplos de produções muito bem pensadas, porém isso acontece no nosso dia a dia, nosso humor, gosto musical, personalidade e tantas outras interferências são responsáveis por construir o modo como nos vestimos, mesmo que de forma completamente inconsciente. Mas você pode deixar isso tudo mais divertido e proposital ;)

Postagens relacionadas

Denim Zero e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.