Frete grátis para Sul, Sudeste e Nordeste / 7 dias para trocar / Em até 6x no cartão
Seu carrinho está vazio

Especial Outubro Rosa: Câncer de Mama

29/09/2020 Dicas comentários

outubro rosa capa

Você sabe o que é o Outubro Rosa, como ou por que ele foi criado? Nessa matéria, além de te contarmos essa história e te trazer informações, esperamos também te incentivar a participar desse movimento fazendo o autoexame e tomando as precauções contra o câncer que mais mata mulheres no nosso país. Afinal de contas, somos mais fortes juntas, certo?


A história do Outubro Rosa começou em 1920, quando o laço cor-de-rosa foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York. Desde então, é promovida todos os anos na cidade, virando também um movimento global.

outubro rosa 1

A ação é feita com o intuito de conscientizar as pessoas que esse é o câncer que mais mata as mulheres, não só aqui, mas em diversos outros países. Também faz parte desse movimento trazer informações de como se prevenir e como e quais exames devem ser feitos, pois se descoberto no início as chances de cura são bem maiores, chegando a até 95%.


Afinal de contas, quem deve fazer o exame?

Todas as mulheres podem, e devem, fazer o autoexame em casa. Geralmente após os 40 anos são pedidos exames específicos com tal finalidade, e caso haja algum caso de câncer de mama na sua família os exames devem ser iniciados 10 anos antes, ou seja, a partir dos 30 anos. 

Exames de toque também devem ser feitos em suas visitas periódicas à sua médica, independente de ter tal idade. 


Homens também podem ter câncer de mama?

Sim, apesar de serem casos muito raros, expressando apenas 1% do número total dos casos. 


Quais são os sintomas?

– Nódulo (caroço), fixo e geralmente indolor: é a principal manifestação da doença, estando presente em cerca de 90% dos casos quando o câncer é percebido pela própria mulher.

– Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja.

– Alterações no bico do peito (mamilo).

– Pequenos nódulos nas axilas ou no pescoço.

– Saída de líquido anormal das mamas.

Esses sinais e sintomas devem sempre ser investigados, porém podem estar relacionados a doenças benignas da mama.

outubro rosa 2

Como fazer o Autoexame?

17 3

Prevenção

Há sim hábitos que podemos aderir para ajudar na prevenção do câncer de mama. Especialistas apontam que a prática de certas atividades podem ajudar na prevenção desse diagnóstico em até 28%.

-Praticar exercícios físicos;

-Alimentar-se de forma saudável;

-Manter o peso corporal adequado;

-Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;

-Amamentar;

-Usar hormônios sintéticos apenas com prescrição médica.

Você e seu corpo 

Sabemos que nós mulheres estamos muito mais sujeitas a ter nossa autoestima abalada por motivos de aparência, já que essa pressão estética estruturada na sociedade exige padrões inalcançáveis de beleza. Gostaríamos de estender nossa compreensão e apoio a cada mulher que de alguma forma teve sua autoestima fragilizada por conta dessa doença. Sabemos que o tratamento é necessário, porém muito agressivo, por isso nossa preocupação em cada uma de vocês fazer o exame em casa e poder minimizar ao máximo essa situação.

E à todas as mulheres que já fizeram o tratamento, saibam que uma cicatriz, um cabelo raspado e a retirada dos seios não te fazem menos ou mais mulher. Nossa feminilidade não é medida pela aparência, não podemos nos colocar nesse lugar de objeto que deixa de ser útil por passar por uma luta tão grande. Você é incrível, poderosa, cíclica, intensa, você é loba, você é mulher! Encontre seu poder dentro de você mesma e nada será capaz de te abalar.

outubro rosa 3

Fiquem com alguns depoimentos de mulheres que passaram e venceram o câncer de mama, retirados do site R7:

“ Antes eu imaginava que colocaria próteses nos seios, e que faria neles lindas tatuagens. Mas agora acho que seios não são essenciais à minha beleza ou à minha feminilidade. Não vale a pena enfrentar outra grande cirurgia só por causa disso. É muito bom e encorajador ver que não tenho nada a esconder, nem motivo para me esconder. Percebo agora que minha beleza vem de saber que eu já sou bonita – não preciso fazer nada além disso”

“ Sou uma montanha de cicatrizes. Elas contam a história da minha vida: da minha histerectomia, das estrias por causa dos três filhos, à minha cirurgia de vesícula e às cicatrizes dos seios. Mas, se alguém imagina que estas marcas e histórias me fazem uma pessoa menor de alguma maneira, acredito que não haja o menor motivo para eu querer saber sua opinião a meu respeito. Sou uma sobrevivente do câncer de mama, e minha vida é plena e bela”

“Eu não suportava a cicatriz. Enquanto algumas mulheres veem suas cicatrizes como símbolo da sua força, a minha me fazia lembrar de tudo que fui forçada a mudar, de como a vida sai dos trilhos mesmo que você tome cuidado, e de como a gente não tem controle sobre nada. A cicatriz era o que tinham feito em mim. Precisei modificar este pensamento e enxergá-la em sua beleza e força, que refletem quem eu me tornei depois de tudo isso”

banner mobile 0

Nós estamos juntas pela causa. Durante todo o mês de Outubro, a cada peça vendida no nosso site R$5,00 serão doados à Rede de Combate ao Câncer de Rio do Sul - SC. Ajude você também!

Comentários